sexta-feira, 17 de abril de 2009

Timothy, inocente. É mentira Terta ?

Oi pessoal,
Vejam o que saiu no Correio Braziliense. Nosso ex-reitor teria sido injustamente denunciado pelo Ministério Público por peculato. Ele não roubou nada e nem desviou qualquer verba destinada aos índios Xavantes e Yanomamis.
.
É o que diz a Justiça (clique aqui para ler a decisão do juiz M.V.R. Bastos, da 12ª Vara do DF). Lembrando que a Justiça inocentou Collor, neo-amigo de Lula.
.
Para ler a notícia clique no link abaixo.
.
Justiça rejeita denúncia contra Timothy Mulholland.
.
MAIS
.
O ex-reitor da UnB, Timothy Mulholland, cansou de ser vidraça e decidiu virar estilingue. Entrou na semana passada com interpelação judicial na 4ª Vara Criminal do DF contra a estudante Catharina Lincoln, diretora do centro acadêmico da Universidade. Ele resolveu partir para o ataque depois de ler a seguinte declaração da aluna aos jornais: Somos contra ele dar aulas depois de tudo o que fez. Ele desviou verbas da pesquisa e está dando uma disciplina de pesquisa. O professor quer que a estudante prove o desvio de verbas.
.
Lavando a honra
Bem ao estilo do ex-secretário-geral do governo FHC, Eduardo Jorge, o ex-reitor da UnB ensaia processar quem o acusa sem provas. Timothy voltou a dar aulas mês passado. Há quase um ano, deixou a direção da universidade sob uma saraivada de acusações (...). Ganhou o apelido de Sultão da UnB.

Nenhum comentário: